quinta-feira, 21 de abril de 2011

trance?

Eu vejo meus colegas na vida louca, nas raves, nas bebedeiras, exibindo marcas...e eu fico pensando o quanto quero que minha vida tenha outro rumo. Simplesmente não tenho vontade nenhuma desse desgaste, dessa impessoalidade, de todas essas coisas estereotipadas e feitas pra mostrar pros outros. Me diz, quem vai numa festa e nao coloca as fotos na rede depois? Quem não comenta o quanto é 'do trance' o quanto 'ficou chapado'? Qual a graça de viver pra causar impressões nos outros?
Tenho outras vontades, outros sonhos, outro sentido pra caminhar.
Mas ultimamente está difícil convencer alguém a ir comigo.

7 comentários:

Rosangela disse...

Olá,amei suas palavras!
Senti q vc é uma mulher determinada,permaneça assim!
Realmente hj em dia as pessoas vivem de causar "impressões",qta tolice....tudo q precisamos pra ser feliz é viver sem máscaras!A pessoa pra ser humilde talvez ñ chegue ao topo da escada social,mastem maior probabilidade de ter uma vida verdadeiramente bem sucedida,pq é mais provável que vença no que é realmente importante!Sucesso pra vc,fica com Deus,bjs.

O MUNDO DAS ARTES disse...

Aline seja quem voce é e assim sera mais feliz ,eu concordo com vc!

rosita disse...

Não há outro caminho melhor do que o de esta ao lado do melhor e maior homem do mundo que é JESUS CRISTO por isso lhe convido para esta ao lado dele quando quizer se sentir amada
att,
preta

Pan disse...

huadshuadshudashudas [comments]

infelizmente eu não vou com vc exatamente pelo mesmo caminho, mas tenho certeza que a gente se encontra lá no final ;)

te amo réuzita!

Fernando Antonio Pereira disse...

Olá, Aline! Saudações Literárias...
Passei por aqui e achei muito bem cuidado seu espaço.
Parabéns!
Sempre que eu puder voltarei.
♥ Abraços de Luz.

Khalila Neferet disse...

Eu já me exauri de tanto falar nisso com minha filha. Ela tem apenas 18 anos, eu sei que é típico da geração dela e todos os outros bordões mais, mas vejo tantas pessoas de vintemuitos, de trinta e até na crise da meia idade se expondo nas interwebs e todas esferas virtuais. Tanta ostentação, tanta fraude, tantas projeções fantasiosas...Agora particularmente quanto ao trance, ele foi apenas um bode espiatório, poderia ter sido qualquer outro meio, vamos combinar, o consumismo e a superexposição através de tentativas de se validar pela Inet não se limita a um único genero. Parabéns pelo discernimento, a humildade, a clareza e a evolução que estão por trás de palavras que me passam credibilidade num ambiente repleto de demagogia,para dizer o mínimo...

Rabugento disse...

Não desanime, o que você propõem contém muita qualidade, logo lhe aparecerão muitos seguidores !!!
Os jovens de hoje, vivem em catelos de areia, e, castelos de areia se desfazem com o primeiro vento que passar...
O seu castelo é forte, construído com rochas sólidas, não deixe que o desânimo faça desmoronar o seu castelo. Deus está contigo!
Força, fé, e perseverança .
Parabéns pelo Blog.
André Miranda.
amrabugento.blogspot.com